quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Saudade

E eu, que nunca imaginei te perder. Que desde que me conheço por gente te tive por perto. Eu que tive a honra de te conhecer e te ter como família. Te ter como uma das, ou a pessoa mais importante da minha vida. Eu que tive o prazer e a sorte de poder ter teus ensinamentos, de conviver com teu caráter, com teus princípios, com teu amor, com teu carinho e com a tua luz. Eu que contigo aprendi o que é certo e o que é errado, aprendi que na vida nem sempre é o jeito que a gente quer, mas que tudo que se quer, com muito esforço se consegue, aprendi que nada impossível, se a gente quer, aprendi que na nossa vida a gente tem que confiar e ter fé em algo, independente de religiões, aprendi o que é caráter, o que são as virtudes, aprendi o que é amor e o que é família, aprendi o que é respeito, aprendi a ajudar ao próximo, aprendi o que significa amizade, cumplicidade, amor. E hoje, aos poucos aprendo também contigo, o que é saudade. Saudade dói e dói muito ainda e muitas vezes a dor é tão grande que tu sente no físico, o aperto no peito é grande. Não te ter mais aqui neste plano carnal comigo, ainda dói. Dói saber que não vou poder te tocar, te beijar e te abraçar. É um vazio imenso no peito. Porque a gente sabe desde quando é criança que aqui só estamos de passagem, que ninguém eterno, que cumprimos nossas missões e seguimos nossa luz. Mas a gente nunca acredita que com a gente, ou com os nossos vai ser assim. Mas pra nós que ficamos, muitas vezes egoístas, queremos que quem já cumpriu fique, porque o apego e o amor é grande. Eu que imaginei que ia te ter pra sempre comigo, que ias estar comigo pra sempre. Cumprisse tua missão aqui e partisse. E eu, e os outros ficamos. Hoje que o que fica, são as lembranças, a saudade, o aprendizado, o agradecimento por todo o teu amor e carinho, agradecimento pelo teu ensinamento, que vai ser seguido a risca, agradecimento por ter te tido na minha vida, durante esses meus vinte e um anos, agradecimento por tudo o que tu fez por mim nesses anos, tudo o que me ensinastes, pelo colo, pela mão amiga sempre ao meu lado, pelos conselhos, pela calma. Agradeço todos os dias poder ter convivido contigo, poder ter aprendido tanta coisa boa contigo.. Mas tenho certeza que não me abandonasse, tenho certeza que estarás sempre comigo, como um anjo, que é o que sempre fostes, mas que antes não batias azas e hoje bates, longe dos meus olhos, mas pra sempre dentro do meu coração. Talvez antes, eu não acreditasse em anjos, mas hoje, mais do que nunca acredito, acredito que eles existem e acredito que tenho um sempre comigo.
Fica a cada dia mais, a certeza de que um dia novamente nos encontraremos, enquanto isso eu sinto tua presença com energia e pensamentos.

Obrigada Vó, por tudo sempre.

Toda a minha saudade e o meu amor de sempre.

Saudade é o amor que fica.

2 comentários:

Maíra Souza disse...

"Saudade é o amor que fica."
Lindo lindo...
A gente se apega muito né? Eu não gosto nem de pensar em perder alguém próximo de mim... Mas um dia vai acontecer, daí eu torço que onde estiver, esteja bem, esteja em paz. É chato falar isso mas, no mundo de hoje, morrer é lucro. =x

Ei? Me dá uma forcinha?
Vota na minha foto, por favor?
http://www.eusouinfomaniaco.com.br/image/gallery
MAIRA FRANÇA DE SOUZA (Clique na foto para abrir, deve tá lá nas últimas pags)
Precisando, já sabe né?! =)
BjO

Eni disse...

que lindo texto, muito tocante.
que você consiga estar em paz.

abraços, seguindo.